https://www.facebook.com/Canal-do-Glorioso

https://www.facebook.com/Canal-do-Glorioso-1701660276771886/?fref=nf

sábado, 30 de maio de 2015

Triste com o futebol



A gente sempre soube, mas essa lama exposta do futebol com este escândalo ocorrido na Suíça, dá uma tristeza, um desânimo.
Continuo gostando do Botafogo, mas sem vontade alguma de ir ou assistir jogos pela TV.
A corrupção, dia após dia, vai corroendo nossa fé em todas as instituições, e isso é muito grave. É de situações assim, com o povo cético e sem respeito pelas instituições e as autoridades que nos governam, que surgem as ditaduras e seus sanguinários déspotas, que anunciando-se como salvadores da pátria, torturam e matam qualquer um  que ouse  se opor  ou discordar deles. É preciso que a Justiça puna com rigor os corruptos para que a população volte a ter  um mínimo de confiança nas instituições democráticas. 

quinta-feira, 28 de maio de 2015

Os ladrões da CBF estão todos correndo de volta para o Brasil

Os ladrões da CBF estão todos correndo de volta para o Brasil

Os ladrões estão todos correndo de  volta para o Brasil: Ricardo Teixeira, ex-presidente da CBF, que mora nos EUA desde que deixou a chefia da quadrilha, já chegou; o atual chefe da máfia, Marco Polo Del Nero, deu linha na pipa e saiu escondido hoje de Zurique, nem vai votar na eleição para eleger o novo presidente da Fifa amanhã.
É que aqui eles roubam e ficam soltos... Que vergonha alheia, alheia não, nossa. Saco.

Interrogações: Toda a atual diretoria da CBF tem de ser afastada imediatamente

Interrogações: Toda a atual diretoria da CBF tem de ser afastada imediatamente



Após a prisão do ex-presidente e atual vice-presidente da CBF (só no Brasil presidente vira vice de seu vice, começando pelo meu Botafogo, que foi vice do vice, quer dizer do Vasco, o que dá no mesmo...), José Maria Marin, por envolvimento em recebimento de propinas, toda a atual diretoria tem de ser afastada imediatamente. É rigorosamente impossível que o atual presidente da entidade, Marco Polo del Nero, ex-vice de Marin, que agora é seu vice, não esteja envolvido na bandalheira.
Só vejo uma pessoa hoje que poderia liderar as profundas mudanças de que o futebol brasileiro necessita: o senador Romário (PSB-RJ), que poderia aglutinar vários grandes clubes do futebol brasileiro em torno de sua pessoa e começar uma limpeza em regra no nosso falido futebol. Falido os clubes, que fizeram a grandeza do esporte no País, enquanto dirigentes e burocratas (sempre eles) que comandam as entidades que regem o futebol enriquecem com rapidez.
A primeira medida que sugiro: acabar com todas as federações estaduais e a palhaçada desse monte de tribunais de justiça esportiva, mais uma herança de nossa tradição burocrática e elitista, e que custam caríssimo aos clubes.
Ai,ai,ai... O Marco Polo original foi à China séculos atrás; o nosso genérico corrupto, só faz negócios da China no comando da CBF...

Aqui notícias mais detalhadas da roubalheira UOL- EUA indicam que Marin dividiu propina com DEL Nero e Teixeira

terça-feira, 26 de maio de 2015

Mengão demite Luxa; Mourinho e Guardiola querem vir treinar o clube de graça

Mengão demite Luxa; Mourinho e Guardiola querem vir treinar o clube de graça

O invencível Mengão, mesmo invicto no Brasileirão 2015 (2 derrotas e 1 empate), demitiu ontem seu treinador, o pofexô Luxemburgo. Uma grande injustiça, afinal o "pojeto" do pofexô ainda estava em andamento.
Ao saberem da demissão do Luxa, José Mourinho, técnico do Chelsea, e Pepe Gaurdiola, técnico do Bayern Munich, ofereceram-se para treinar à "NaSSão" de graça. Ambos disseram ser torcedores do pacífico e cordato clube e o maior sonho de suas vidas é serem treinadores do Invencível.
Lionel Messi, Cristiano Ronaldo e Carlito Tevez também disseram o mesmo, e também vão rescindir seus contratos para virem atuar de graça pela "NaSSão".
No fim do ano, depois da ajuda de sempre da mamãe Globo, das arbitragens e de comprarem outra Portuguesa qualquer, teremos de aguentar- como nos últimos anos- os bilhões de pacatos e ordeiros torcedores da "NaSSão" comemorando não terem sido rebaixados para a Segundona com a criativa frase: "Time grande não cai!"
Mas, ao menos, eu me divirto com o egocentrismo e mania de grandeza deles. 

domingo, 24 de maio de 2015

Manchete da Flapress: Mengão joga com raça, perde outra e continua invicto no Brasileirão

Manchete da Flapress: Mengão joga com raça, perde outra e continua invicto no Brasileirão

O invencível Mengão continua invicto em sua brilhante campanha no Brasileirão 2015: 2 derrotas e 1 empate. Hoje foi derrotado pelo Avaí, em Florianópolis, por 2 a 1.
Eis a manchete do órgãos afiliados à Flapress, sob o comando da Rede Globo, de amanhã:

Mengão joga com a raça de sempre, perde outra, continua invicto, lidera Zona  e é o favorito à conquista do Brasileirão 2015


sábado, 23 de maio de 2015

Análise rápida e rasteira de Botafogo x Atlético Goianiense

Análise rápida e rasteira de Botafogo x Atlético Goianiense

O Botafogo empatou por 0 a 0 Com o Atlético Goianiense em jogo disputado no Estádio Mané Garrincha, em Brasília. A partida foi pela 3ª rodada da Série B.
Análise rápida e rasteira do jogo:

Um horror! Uma pelada daquelas bem feias... com pelancas pra todo lado. Saco. 
E o Bill, hein?! Ele que vá à... Saco.


quinta-feira, 21 de maio de 2015

Botafoguense doente quer ser enterrado com bandeira do Flamengo

Meu grande amigo Jilozinho, presidente da Fogo de Fogo, torcida organizada do Glorioso em São José do Calçado-ES, minha terra natal me ligou. E me fez um pedido que me deixou aturdido: disse que quando morrer quer coloquemos uma bandeira do Flamengo sobre seu caixão. Estarrecido, disse a ele:
- Tá maluco!? Você tem de parar de beber!
- Calma, Jarrão, eu explico: quero que meu velório seja feito no boteco do Posto do Fabinho, toda a galera de nossa torcida, Fogo de Fogo, reunida e bebendo meu belo defunto! Quando desfilarem com meu lindo ser pela cidade, rumo ao cemitério, o pessoal vai ver a bandeira dos urubus em cima do caixão e dirão:- Olha lá.... Estamos livres de mais um urubu! 
Sacaneio eles até depois de morto. Eu sou foda!
Pois é....

Botafoguense doente quer ser enterrado com camisa do Flamengo
Totó, Sir Zatonio Lahud e Jilozinho, presidente da Fogo de Fogo
                                                                   

quarta-feira, 20 de maio de 2015

O Henrique quase me mata; mas na raça Botafogo empata com Figueirense

O Henrique quase me mata; mas na raça  Botafogo empata com Figueirense

Ressuscitaram o tal de Henrique no Botafogo e quase me mataram. Esse rapaz pode ser tudo na vida, menos jogador de futebol, e muito menos do Botafogo. Primeiro perdeu um gol mais que feito, no lance seguinte o Figueirense abriu o placar. Logo depois perdeu outro gol feito, e continuou agredindo à bola por toda a primeira etapa da partida em que o Botafogo empatou como o Figueirense por 2 x 2 em Florianópolis no jogo de ida pela Copa do Brasil.
Na 2ª etapa, logo no início, uma lambança da zaga do Glorioso, gol contra e 2 x 0 pra eles. 
Com a situação pra lá de complicada, o Jefferson, como sempre, nos salvou fazendo algumas defesas que só ele faz, René Simões resolveu trocar o horroroso pelo ruim: tirou o doente do Henrique e colocou o Bill em campo.
Mais à frente o zagueiro Diego Giaretta fez de cabeça e no finalzinho, aos 46 minutos, empatamos com Luís Ricardo. Um bom resultado conseguido na raça, coisa que não falta ao time atual do Botafogo. Agora, no jogo de volta, podemos empatar por 0 x 0 ou 1 x 1 que passaremos à fase seguinte da Copa do Brasil. 
Os gols do Figueirense não faço a mínima ideia de quem fez, e mesmo se soubesse não diria- aqui,neste democrático espaço alvinegro, só o Botafogo faz gol.
Baixinho aqui, só entre nós botafoguenses: o tal do Henrique me irritou tanto com sua ruindade, que após o segundo gol que ele perdeu parei de ver o jogo e fui ouvir canto gregoriano pra me acalmar. Só voltei a ver quando fizemos o primeiro gol.

Blog do Barão de General Severiano: Fluminense demite técnico após 8 jogos; advogado deve assumir comando do time

Blog do Barão de General Severiano: Fluminense demite técnico após 8 jogos; advogado deve assumir comando do time

Fluminense demite técnico após 8 jogos; advogado deve assumir comando do time

Fluminense demite técnico após 8 jogos; advogado deve assumir comando do time
O advogado do Flor indo para o STJD
O Flor já demitiu seu técnico, o tal Ricardo Drubrksyusseiláoquê, após este comandar o alegre clube por apenas oito jogos. Eu, se fosse o presidente do Flor, Peter Siemsen (tudo lá é fresco, até o nome do presidente: Pitinho!), botava logo o advogado deles de técnico. Vai ter de virar à mesa de novo mesmo...











terça-feira, 19 de maio de 2015

Hoje o Botafogo pode ser o único time do Rio a ganhar um título nacional em 2015

Hoje o Botafogo pode ser o único time do Rio a ganhar um título nacional em 2015
Hoje o Botafogo pode sagrar-se o único time carioca a ganhar um título nacional este ano: campeão da Copa do Brasil Sub-17. Podemos até perder o jogo de volta para o Vitória, no Engenhão às 16h30, que seremos campeões por termos vencido o jogo de ida, realizado em Salvador, por 3 x 1.
Com os timecos que andam jogando a Série A, só o Fogão, líder invicto da Série B, mas com futebol para jogar a final da Liga dos Campeões da Europa, salva o medíocre futebol carioca. 
Bem, como o Glorioso ainda está na disputa da Copa do Brasil, o Rio pode ganhar 2 títulos em 2015. Aliás, 3 títulos pro Rio. afinal vamos conquistar a Série B. Invictos.
E tenho dito!

domingo, 17 de maio de 2015

Eliminado da Libertadores Boca Juniors contrata advogado do Fluminense

Eliminado da Libertadores Boca Juniors contrata advogado do Fluminense


Eliminado da disputa da Copa Libertadores da América por conta da barbárie cometida por alguns de seus torcedores contra os jogadores do River Plate, o Boca Juniors contratou o advogado do Fluminense, Mario Bittencourt para fazer a defesa do clube.
O causídico do Flor afirmou aos dirigentes "bosteros"- é assim que são conhecidos os adeptos do Boca na Argentina- para não se preocuparem, vai recorrer à FIFA e o Boca vai disputar a final da Copa dos Campeões da Europa. Ele só ainda não sabe se vai eliminar o Barcelona ou a Juventus da final do torneio, que será disputada no dia 6 de junho próximo em Berlim.
Esse advogado do Flor é foda!

sábado, 16 de maio de 2015

Nilton Santos, os 90 anos do gênio da bola que amou o Botafogo sobre todas as coisas

Nilton Santos, os 90 anos do gênio da bola amou o Botafogo sobre todas as coisas


Noventa anos de amor ao Botafogo. Nilton Santos, o santo do Botafogo, a enciclopédia do futebol, está completando noventa anos hoje.
Mas ele morreu, dirão os néscios. Gênios não morrem, afirmo eu. Ficam, para sempre, guardados no coração e na memória afetiva de seu povo.
Nilton tinha alma de santo pela simplicidade com que viveu, e futebol de gênio. Um imortal que amava seu Botafogo sobre todas as coisas. Inclusive dinheiro. Por diversas vezes assinou contratos em branco com o Glorioso. Foram dezessete anos honrando a gloriosa camisa 6 do Alvinegro, a única de clubes que usou em sua longa carreira. Uma estrela desfilando imponente pelos gramados  com uma linda estrela no peito.
Parabéns grande Nilton, o Botafogo te reverencia e te saúda!
Não esqueçam, senhores, quando o Botafogo entra em campo, não é apenas um time o que veem, não!, é a História do futebol passeando por vossos olhos.

Um exemplo de como era grande o futebol do Nilton: Em um amistoso na cidade do México: Botafogo x River Plate. Nestor Rossi, o maestro da seleção Argentina, chamou o lateral do River e aconselhou:

- Quer melhorar teu futebol? Então faz o seguinte: "Aquele ali é o Nilton Santos, beque esquerdo como você. Vai lá perto, disfarça e passa a mão na perna dele. Só isso. Passa a mão que naqueles pés está o futebol de todos os beques do mundo".

sexta-feira, 15 de maio de 2015

Técnico do Botafogo, René Simões, responde carta de colunista que o agradeceu



O Colunista do jornal O Globo, o botafoguense Arthur Dapieve, agradeceu o técnico do Botafogo, René Simões, pelo bom trabalho que vem realizando no comando do time.
No vídeo acima René agradece ao Arthur e faz uma ode ao Botafogo.
É por coisas assim que afirmo, sem medo de errar, que o Botafogo não é para os óbvios, para os que seguem manadas ou revoadas.
Valeu Arthur! Valeu René!

Botafogo: o destino de um clube entre a tragédia e a glória

Camisa do atleta de basquete, Armando Albano do BOTAFOGO FOOTBALL CLUB.
Em 11 de Junho de 1942, Os dois cubes com o mesmo nome, BOTAFOGO - BOTAFOGO FOOTBALL CLUB e CLUB DE REGATAS BOTAFOGO, disputavam uma partida pelo campeonato cariocade basquete no ginásio Mourisco Mar, em Botafogo. Quando o placar apontava: BOTAFOGO FOOTBALL CLUB 23 x 21 CLUB DE REGATAS BOTAFOGO, Albano sentiu-se mal e teve um mal súbito e veio a falecer minutos depois.
O processo da Fusão entre os 2(dois) clubes já era debatido entre os dirigentes dos clubes, mas foi acelerado como uma homenagem á Albano.
Nascia o BOTAFOGO DE FUTEBOL E REGATAS, na noite do dia 8 de dezembro de 1942.

Pesquisa: Livro BOTAFOGO DE FUTEBOL E REGATAS, HISTÓRIAS E CONQUISTAS NO FUTEBOL, por Antõnio Carlos Napoleão, pags 22-23 - Ed MAUAD.

"O Botafogo é o clube mais calabrês, mais siciliano do futebol brasileiro"( Nélson Rodrigues).
E por que somos assim, me pergunto? Nascemos, o Botafogo Futebol Clube, para nos contrapor ao poderoso Fluminense, que dominava, sem rivais à altura, o futebol carioca no início do século passado. E fomos, logo de cara, perseguidos pelos tricolores que tentaram nos roubar, e em parte conseguiram, já que o título é dividido, o Campeonato Carioca de 1907.
No Campeonato de 1910, outra tragédia Alvinegra: Dinorah, um de nossos jogadores, era irmão de Dilermando de Assis, amante da mulher do grande Euclides da Cunha, autor de Os Sertões, uma das obras seminais da literatura brasileira. Euclides resolveu matar Dilermando. No embate, Dinorah acabou ferido gravemente. O escritor acabou sendo morto pelo amante da esposa.
Dinorah recuperou-se, voltou à equipe e fomos campeões. Mas, após o ocorrido, nunca mais foi o mesmo, poucos anos depois acabou se suicidando.
Em 1911, em mais uma manobra do Fluminense, um atleta Alvinegro foi injustamente punido pela Federação. Altivos e insubmissos, que somos, abandonamos a entidade e fomos disputar um campeonato por outra liga. E pagamos caro pelo gesto de grandeza. Só voltamos a conquistar outro campeonato em 1930. Mas honra não se compra. Se conquista!
E só outra tragédia fez a união dos dois Botafogo: a morte de Armando Albano, jogador de basquete do Botafogo de Futebol, que morreu quando era disputada uma partida contra  Botafogo de Regatas. Da desgraça, da dor, das lágrimas...nasceu o Botafogo de Futebol e Regatas. O nosso atual Glorioso!
E Heleno? O mais altivo, elegante e belo jogador de Botafogo ( ele dizia que não era jogador de futebol, mas jogador do Botafogo, por isso "de Botafogo") a desfilar sua arte pelos gramados do Brasil...Morreu louco, em um hospício de Barbacena. Sonhando, em sua loucura, a voltar a jogar pelo seu amado Glorioso. O Botafogo é atávico, senhores.
E Mané Garrincha? O mais amado jogador na memória coletiva de nosso povo. A Alegria do Povo, o  que pode conquistar de mais belo um homem que ser chamado da alegria de seu povo? Em minha opinião: nada! E o grandíssimo Mané morreu bêbado, caído em um subúrbio qualquer do Rio de Janeiro. Bem no meio do seu povo. Que tanto o amou. Triste, o destino. O Botafogo.
E a venda de nosso sagrado solo de General Severiano? Eu era jovem... E vaguei, como outros milhares de jovens, atrás de uma camisa listrada de preto e banco, com uma bela estrela por cima do coração, acompanhando um clube que não tinha sede, estádio e time... Havia nos restado uma História, uma camisa, uma estrela...E a fé, dos loucos! O Botafogo é desvairadamente louco, senhores. Por isso, apaixonante!
E o injusto destino? Somos o clube que mais cedeu jogadores para a seleção brasileira. E o que tem o maior número de jogadores campeões mundiais envergando  a camisa do Brasil. E o que ganhamos com isso? Inveja e desprezo de nossos adversários. Fora os títulos que deixamos de conquistar por estarmos desfalcados de nosso principais jogadores. Em Copas e nas longas excursões que a seleção fazia à época. Sem contar os vários que nos roubaram. Injusto destino. Que nos importa?  Somos, nós, o Botafogo. Entre tragédia e glória, vivemos.
O Botafogo não é para os óbvios. É complicado demais para as multidões ignaras. Por isso fomos escolhidos. Pela indescritível, apaixonante, sofrida e inexoravelmente louca aventura de ser Botafogo. O eternamente...Glorioso!

quinta-feira, 14 de maio de 2015

"Eu torço para o Botafogo porque aquela estrelinha é linda"

"Eu torço para o Botafogo orque aquela estrelinha é linda"

Corinthians acreditou na mídia e deu vexame histórico

Corinthians acreditou na mídia e deu vexame histórico
Hernane Brocador
O Corinthians acreditou na mídia, que na ânsia de promover o clube e faturar mais, anunciou ao mundo, no começo da temporada, que o Timão era o maior time do Universo. Tite transformou-se em um gênio dentre seus pares. Uma mistura melhorada de Pepe Guardiola e José Mourinho. O Einstein dos treinadores. E o Tite, pela seriedade com ele dá suas palestras à mídia ( ele não dá entrevista), parece que aceitou o epiteto de gênio.
O final da patética fantasia criada pela mídia: o clube foi eliminado do Campeonato Paulista pelo Palmeiras, jogando em seu estádio; e ontem, em um vexame já histórico, despediu-se da Libertadores sendo eliminado pelo humilde Guarany do Paraguai, perdendo as duas partidas pelas oitavas-de-final do torneio sul-americano.
Os torcedores de Corinthians e Flamengo são useiros e vezeiros em pagar micos grandiosos (verdadeiros gorilas) por acreditarem nas fantasias criadas pelos órgãos de comunicação, que têm com único intuito ganhar dinheiro fácil inflando o egocentrismo e a mania de grandeza dos dois clubes mais populares do País.
Ano passado, por exemplo, a mídia carioca, para fazer média com os pacatos e ordeiros torcedores do invencível Mengão, exigiu a convocação do "genial" Hernane Brocador para disputar à Copa do Mundo pela Seleção. Deu no que deu... Gol da Alemanha!

Interrogações: Polícia comete injustiça e prende chefe de torcida do invencível Mengão por ter baleado 9 vascaínos

quarta-feira, 13 de maio de 2015

O dia em que o Botafogo fez o Flamengo dar volta olímpica de ré

O dia em que o Botafogo fez o Flamengo dar volta olímpica de ré

Em 18 de setembro de 1968 o Botafogo protagonizou um fato inédito na história do  futebol: foi a primeira vez que um time, o Flamengo, teve de devolver uma volta olímpica. É isso mesmo que estão lendo: nós fizemos os urubus darem marcha-ré em uma volta olímpica.
Eu vos explico: à época, a Taça Guanabara era um campeonato separado do Estadual e tinha muito mais valor que hoje. O Flamengo venceu o Fluminense por 2 x 0 e  igualou-se em número de pontos ao Botafogo, mas tinha um jogo por fazer contra o Bonsucesso. Encerrada a partida com o Flor, os pacatos e ordeiros torcedores da "NaSSão", fizeram uma imensa festa no Maracanã comemorando o título. Com direito a volta olímpica, foguetório na cidade, choro do presidente da Flapress, Renato Maurício Prado, o diabo a quatro...  O Botafogo foi para Goiás fazer um jogo amistoso.
Na quarta-feira à noite, Maracanã abarrotado de urubus para receberem as faixas de campeão e a taça. Festa pronta. Só esqueceram-se de combinar com o valoroso esquadrão do Bonsuça, que lhes meteu um glorioso e inesquecível 2 x 0 no meio das fuças. Com o inesperado resultado, Botafogo e Flamengo terminaram empatados e foi necessário realizar um jogo extra para decidir o torneio.
Voltamos às pressas de Goiás para a decisão e demos um show: 4 x 1, gols de Gérson( 2 ), Zequinha e Roberto para nós, o deles não sei e não quero saber quem fez.
Depois da partida, Gérson, o canhotinha de ouro e capitão do Botafogo, se dirigiu ao capitão Rubro-Negro e exigiu que devolvessem a volta olímpica antecipada que haviam dado no jogo com o Flor.
E assim foi feito, os urubus deram uma volta olímpica ao contrário- de ré!-, sob sonoras gargalhadas da torcida do Fogão.

Dados da partida:

BOTAFOGO 4x1 FLAMENGO
» Gols: Gérson 9’ e (pen.) 74’, Zequinha 65’, Roberto 81’ (Botafogo) Dionísio 61’ (Flamengo)
» Competição: Taça Guanabara (decisão)
» Data: 18.09.1968
» Local: Estádio do Maracanã, Rio de Janeiro
» Renda: NCr$ 331.583,25
» Público: 94.535 pagantes
» Árbitro: Armando Marques
» Botafogo: Cao (Wendell), Moreira, Zé Carlos, Leônidas (Dimas) e Waltencir; Carlos Roberto e Gérson; Zequinha, Roberto, Jairzinho e Paulo Cézar. Técnico: Mário Zagallo.
» Flamengo: Ubirajara Alcântara, Murilo, Onça (Jorge Andrade), Guilherme e Paulo Henrique; Carlinhos, Nelsinho (Dionísio), Liminha e Rodrigues Neto; Silva Batuta e Fio Maravilha. Técnico: Válter Miraglia.
Obs: 1. O Flamengo jogou de branco; 2. Gérson cobrou dois pênaltis: o primeiro aos 49’, Ubirajara Alcântara defendeu; o segundo ele converteu aos 74’.
os dados da partida peguei no excelente blog Mundo Botafogo

terça-feira, 12 de maio de 2015

Botafogo derrota Vitória e bota mão na taça da Copa do Brasil Sub-17

Botafogo derrota Vitória e bota mão na taça da Copa do Brasil Sub-17


O Botafogo, com uma atuação espetacular, derrotou o Vitória por 3 x 1 no Estádio Barradão, em Salvador.
Foi a partida de ida pela decisão da Copa do Brasil Sub-17.
A partida de volta será realizada no Estádio Nilton Santos na próxima terça-feira.
O Glorioso pode até perder por 2 x 0 que ainda assim será o campeão do torneio.
Parabéns à diretoria e aos meninos do Botafogo, que aos poucos vai ressurgindo do caos que a diretoria anterior implantou no clube.
Este lindo, gostoso, genial, porém  humildoso Barão de General Severiano resolveu reativar este espaço em que o principal assunto é o Botafogo. Depois tratarei de assuntos menores e de somenos importância, como futebol, e nada melhor que recomeçar com uma brilhante vitória do Alvinegro.

FOGOOOOOOOOOOOOOOO!!!